A pedido do Procon, Delegacia do Consumidor apura aumento do preço dos combustíveis em Aparecida

A pedido do Procon, Delegacia do ConsumidorAparecida de Goiânia:
Diante da elevação dos preços de combustíveis ocorrida em Aparecida de Goiânia no início do mês de novembro, o Procon municipal realizou a Operação Combustível Abusivo em 77 postos identificando possíveis abusos nos valores praticados pelos estabelecimentos. Na tarde desta última segunda-feira, 27, o presidente do Procon de Aparecida, Marinho Rezende, instaurou o processo de investigação com objetivo de constatar a existência de prática abusiva e outras infrações. Foram encaminhados ofícios e documentos à Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor do Estado de Goiás (Decon), que abriu o inquérito policial para apurar os indícios de crimes contra as relações de consumo e prática de cartel.